UMJ é vice-campeã nas Paralímpiadas Universitárias

“Participar de um evento desse porte e voltar para casa com um título é a certeza de que estou contribuindo para fortalecer o meu Estado e a minha instituição. Só tenho a agradecer a UMJ por possibilitar mais uma realização de um sonho” relata emocionado a paratleta da Natação, Erica Ferro. A estudante do curso de Educação Física da UMJ participou das Paralimpíadas Universitárias e conquistou medalha de ouro nos 100m peito, 100m costas e 200 Medley. 

As Paralimpíadas Universitárias têm por finalidade estimular a participação dos estudantes universitários com deficiência física, visual e intelectual em atividades esportivas de todas as Instituições de Ensino Superior (IES) do território nacional, promovendo ampla mobilização em torno do esporte. E foi realizada no período de 16 a 19 de setembro, no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo (SP), com a participação dos Guerreiros UMJ, onde a equipe de Natação Paralímpica foi vice-campeã na competição. A equipe é composta por Williams da Silva, que conquistou o título do segundo melhor paratleta do Brasil na modalidade após as vitórias nos 50m livre, 100m livre, 200m medley, Mendson de Santana, que foi prata 🥈 nos 50m livre, 100m livre e 100m costas, Luiz André Cavalcante com mais duas pratas nos 100m costas e 50m livre. Além da Natação Paralímpica, o aluno do curso de Direito da UMJ, Marcos Chaves, representou a instituição na modalidade do Atletismo onde alcançou a vitória com medalha de ouro nos 200m rasos e prata no salto em distância. “Foi extremamente difícil voltar para o Estado com essas conquistas, isso marca o retorno das nossas competições. Um retorno vitorioso e significativo para a gente como atleta e também como equipe”, destaca o atleta da Natação e estudante de Direito, Luiz André Cavalcante. 

Para o coordenador de Esportes e Lazer da UMJ, Erivaldo Silva “Shampoo”, as conquistas reforçam a qualidade do esporte da instituição. “Essas vitórias ratificam a importância e a seriedade com que a UMJ, junto com as entidades parceiras, têm para com o para desporto universitário no Estado ,esse trabalho de inclusão social através da prática esportiva é muito importante para elevação da autoestima dos atletas, fortalece o lema institucional onde o binômio esporte educação não podem ser dissociados,com certeza esses atletas que se superam e serão grandes profissionais e cidadãos”, finaliza Shampoo.

 

“Participar de um evento desse porte e voltar para casa com um título é a certeza de que estou contribuindo para fortalecer o meu Estado e a minha instituição. Só tenho a agradecer a UMJ por possibilitar mais uma realização de um sonho” relata emocionado a paratleta da Natação, Erica Ferro. A estudante do curso de Educação Física da UMJ participou das Paralimpíadas Universitárias e conquistou medalha de ouro nos 100m peito, 100m costas e 200 Medley. 

As Paralimpíadas Universitárias têm por finalidade estimular a participação dos estudantes universitários com deficiência física, visual e intelectual em atividades esportivas de todas as Instituições de Ensino Superior (IES) do território nacional, promovendo ampla mobilização em torno do esporte. E foi realizada no período de 16 a 19 de setembro, no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo (SP), com a participação dos Guerreiros UMJ, onde a equipe de Natação Paralímpica foi vice-campeã na competição. A equipe é composta por Williams da Silva, que conquistou o título do segundo melhor paratleta do Brasil na modalidade após as vitórias nos 50m livre, 100m livre, 200m medley, Mendson de Santana, que foi prata 🥈 nos 50m livre, 100m livre e 100m costas, Luiz André Cavalcante com mais duas pratas nos 100m costas e 50m livre. Além da Natação Paralímpica, o aluno do curso de Direito da UMJ, Marcos Chaves, representou a instituição na modalidade do Atletismo onde alcançou a vitória com medalha de ouro nos 200m rasos e prata no salto em distância. “Foi extremamente difícil voltar para o Estado com essas conquistas, isso marca o retorno das nossas competições. Um retorno vitorioso e significativo para a gente como atleta e também como equipe”, destaca o atleta da Natação e estudante de Direito, Luiz André Cavalcante. 

Para o coordenador de Esportes e Lazer da UMJ, Erivaldo Silva “Shampoo”, as conquistas reforçam a qualidade do esporte da instituição. “Essas vitórias ratificam a importância e a seriedade com que a UMJ, junto com as entidades parceiras, têm para com o para desporto universitário no Estado ,esse trabalho de inclusão social através da prática esportiva é muito importante para elevação da autoestima dos atletas, fortalece o lema institucional onde o binômio esporte educação não podem ser dissociados,com certeza esses atletas que se superam e serão grandes profissionais e cidadãos”, finaliza Shampoo.

X